Quando sentimos alguma dor ou percebemos um sintoma indicando que a saúde não anda tão bem, normalmente sabemos qual médico procurar, certo? Mas e quando se trata dos dentes? Você por acaso conhece os tipos de dentista a que pode recorrer?

Saiba: assim como a Medicina, a Odontologia se subdivide em diversas áreas, cada uma responsável pela prevenção, pelo diagnóstico e pelo tratamento de problemas específicos. As especialidades podem diferir quanto à parte do dente, quanto ao tipo de paciente, quanto aos objetivos, entre outros aspectos. Você provavelmente nem imaginava que o universo da Odontologia era tão abrangente, não é mesmo?

A verdade é que é muito importante saber qual profissional procurar para receber o tratamento adequado. E foi pensando justamente nisso que resolvemos elaborar uma listinha com 10 tipos de dentista que você precisa conhecer. Confira!

1. Clínico geral

Esse é o profissional que todos conhecem, aquele que devemos visitar regularmente, a cada 6 meses. Responsável pelo tratamento preventivo, faz acompanhamento e limpeza periodicamente. Normalmente, é o clínico geral quem faz a primeira análise de qualquer problema, dando o diagnóstico e, quando necessário, encaminhando para outro especialista.

2. Odontopediatra

Como o próprio nome já diz, esse é o especialista que atende e trata crianças. É o primeiro dentista com quem devemos nos consultar na vida, atendendo bebês no início da primeira dentição. Sua função envolve monitorar o desenvolvimento da arcada dentária e do rosto da criança, cuidando para que os dentes de leite sejam preservados até a troca pelos permanentes.

Esse profissional tem um papel fundamental na educação das crianças no que diz respeito à saúde e à higiene bucal, assim como na orientação dos próprios pais, além de observar o desenvolvimento da fala e da mastigação. Como o odontopediatra há ainda o odontohebiatra, especializado no atendimento de adolescentes, e o odontogeriatra, que cuida dos idosos.

3. Ortodontista

Temos aqui o responsável pela aplicação e pela manutenção do tratamento com o temido aparelho ortodôntico, seja ele fixo ou móvel. A função desse profissional é promover o posicionamento correto dos dentes e do osso maxilar, garantindo um sorriso alinhado. Seu trabalho envolve ainda a prevenção e o tratamento de problemas de crescimento e desenvolvimento da face, dos arcos dentários e da mordida.

4. Endodontista

Se você já fez um tratamento de canal, certamente já visitou um endodontista! Explicando melhor: a Endodontia é a área da Odontologia que cuida da polpa dentária, a parte que fica dentro dos dentes. A polpa inclui o sistema de canais radiculares e tecidos periapicais, que sustentam, nutrem e defendem os dentes.

A atuação desse profissional tem o objetivo de preservar o dente, mantendo-o na cavidade bucal. É ele, portanto, quem faz o prognóstico, o tratamento e o controle das alterações na polpa e na gengiva. Além do famoso tratamento de canal, o endodontista executa procedimentos em prol da vitalidade da polpa, como cirurgias no tecido e nas cavidades pulpares.

Powered by Rock Convert

5. Periodontista

O periodontista é aquele que cuida do sistema de implantação e suporte dos dentes — traduzindo: gengiva e periodontos. Esse profissional estuda, previne, diagnostica e trata as doenças periodontais, garantindo dentes fortes e firmes. Na prática, além do tratamento da placa bacteriana, gengivite e periodontite, ele pode fazer implantes, enxertos ósseos e procedimentos similares.

6. Estomatologista

Esse profissional da Odontologia é especializado na prevenção, no diagnóstico e no tratamento das doenças da boca e de suas estruturas. Além disso, atua nos cuidados das manifestações bucais de doenças sistêmicas que possam apresentar interferências no tratamento odontológico.

Entre as lesões mais comuns tratadas pelo estomatologista estão as hiperplasias, aftas e lesões de herpes, atuando ainda em casos mais graves, como o carcinoma ou câncer oral. Além disso, esse especialista pode diagnosticar outras doenças por meio de manifestações bucais, como a língua lisa, no caso do diabetes, ou anemia, por exemplo.

7. Especialista em Dentística Restauradora

O profissional especializado em Dentística aplica procedimentos educativos e preventivos, operatórios e terapêuticos, preservando e devolvendo ao dente sua integridade estética e funcional. Está apto a fazer o diagnóstico e prognóstico de doenças dentárias e procedimentos estéticos.

Além disso, restaura dentes que sofreram lesões, oferece coroas individuais e restaurações metálicas fundidas, além de realizar o tratamento da polpa dentária com o objetivo de devolver sua vitalidade.

8. Protesista

O foco desse especialista é a reabilitação do dente, em todos os seus aspectos funcionais — estética, fonética e mastigação. É o responsável por indicar e solicitar a confecção de próteses dentárias, fixas ou removíveis, providenciando os moldes, as provas e os ajustes necessários. Além da recolocação de dentes destruídos ou perdidos, o protesista pode recomendar o uso de uma placa para proteção dentária, no caso de bruxismo noturno, por exemplo.

9. Cirurgião bucomaxilofacial

Atua em ambiente ambulatorial ou hospitalar, no diagnóstico e tratamento de doenças, lesões, traumatismos e anomalias do aparelho mastigatório e estruturas craniofaciais associadas. Realiza procedimentos cirúrgicos de correção, em casos de traumas da face, tumores, malformações congênitas e anomalias faciais, tais como enxertos ósseos e reconstrução da face, entre outros.

10. Especialista em Disfunção Temporomandibular e dor orofacial

Trata-se de uma área nova na Odontologia, especializada no tratamento das alterações patológicas da Articulação Temporomandibular (ATM). É quem você deve procurar quando estiver com dores e desordens no aparelho mastigatório, na região orofacial e estruturas relacionadas. Esse especialista tem o conhecimento necessário para atender casos de bruxismo, estalos na ATM, mandíbula travada e deformidades, entre outros problemas.

Como você viu, nada melhor que conhecer os tipos de dentista para saber exatamente qual procurar em caso de dor, acidente ou lesão envolvendo os dentes, a boca ou as estruturas orofaciais associadas. Afinal, que cada um está apto a realizar procedimentos, diagnósticos e tratamentos específicos!

Por fim, agora que você já conhece bem algumas das principais especialidades odontológicas existentes, que tal aproveitar para descobrir como escolher o dentista certo para você?

Powered by Rock Convert

Escreva um comentário

Share This