Para que serve o protetor bucal? Entenda quais são as indicações

6 minutos para ler

A prática de esportes, mesmo aqueles de modalidades mais leves, pode resultar em lesões bucais e traumatismos. Isso porque o contato físico e os impactos são muito frequentes, oferecendo risco de acidentes com as estruturas da região da boca. Por isso, o uso do protetor bucal é indicado como prevenção a esses casos.

Ele é um equipamento de segurança indispensável para atletas, tanto profissionais quanto amadores. A sua função é protegeras os dentes, as gengivas, a língua e, até mesmo, alguns ossos da face, a fim de evitar traumas.

Existem diferentes tipos que atendem melhor as necessidades de cada pessoa, conforme os riscos aos quais estão expostas. Neste artigo, explicaremos com detalhes o que é esse equipamento, sua função, importância e quando deve ser usado. Continue lendo e descubra, também, como escolher o protetor ideal para você.

O que é protetor bucal?

O protetor bucal é um equipamento de segurança utilizado para evitar traumatismos na região da boca durante a prática de esportes. Ele se encaixa nos dentes formando uma barreira ao redor deles, minimizando a força dos impactos e fazendo com que elas se dissipem.

Existem diferentes tipos de protetores bucais, desde aqueles mais simples até os personalizados, como você pode ver a seguir.

Protetor bucal pré-fabricado

O protetor bucal pré-fabricado é o modelo mais simples que existe. Feito em série, pode ser adquirido em lojas de equipamentos esportivos, sendo vendido nos tamanhos P, M e G para se adequar melhor à arcada dentária.

No entanto, ele não se encaixa com perfeição na boca, pois é um modelo generalizado. O atleta precisa manter os dentes cerrados, de modo que o protetor fique encaixado na arcada. Assim, há um prejuízo, por exemplo, para a fala, a respiração e a deglutição durante o uso, além de cansar a musculatura pelo esforço constante.

Protetor bucal termoplástico

Embora seja um dispositivo pré-fabricado, apresenta algumas diferenças em comparação ao anterior. Isso porque traz uma tecnologia que permite a própria pessoa moldar o equipamento de acordo com a sua arcada dentária.

Também é conhecido como protetor moldável ou aquece e morde, porque o indivíduo precisa esquentar o material para que ele amoleça, depois resfriar um pouco para não se queimar e, em seguida, deve morder o material. Ele vai se moldar conforme o formato da arcada e dos dentes, sendo ajustado com o auxílio da língua e dos dedos, de modo a se personalizar.

Protetor personalizado

Os modelos de protetor bucal personalizados são aqueles confeccionados para cada pessoa. São feitos em um laboratório de forma proporcional às medidas obtidas pelo cirurgião-dentista, portanto, encaixam-se perfeitamente na boca e na arcada dentária.

Esse tipo de dispositivo é confeccionado em EVA, podendo conter diversas camadas, conforme a necessidade do atleta. Também não apresenta irregularidades, como pode acontecer no protetor moldável, por isso não provoca dor de dente e dor de cabeça em função da má adaptação.

Além disso, interfere pouco na fala, não atrapalha a respiração e permite a deglutição de líquidos. É mais confortável porque não agride as gengivas, nem outros tecidos moles. Conta, ainda, com o diferencial da possibilidade de ser personalizado com desenhos, uma cor específicas e outras características, que tornam esse dispositivo exclusivo.

Powered by Rock Convert

Para que serve um protetor bucal?

O protetor bucal, embora se encaixe apenas nos dentes, promove uma proteção muito ampla. Especificamente no elemento dentário, a sua função é evitar trincas e fraturas, ou mesmo a soltura do dente. Afinal, ele minimiza a intensidade de choques, pancadas e outros impactos.

Além disso, evita o atrito e o contato direto entre os dentes. Sem o protetor há um risco aumentado de, no esforço excessivo, como para levantar peso, a pessoa contrair a musculatura, acarretando danos e levando a quebras e desgaste no esmalte dentário.

Há uma proteção para a gengiva, o queixo e a articulação temporomandibular (ATM). Sendo assim, esse dispositivo serve como prevenção aos traumatismos decorrentes de pancadas ou pelo próprio esforço, os quais poderiam atingir toda a região da boca.

Qual é a importância do protetor bucal?

Escovar adequadamente os dentes e usar o fio dental são cuidados voltados para a saúde bucal. Porém, atletas precisam de uma proteção a mais, que envolva a estrutura e integridade das arcadas dentárias e ossos da face.

O protetor bucal é de extrema importância para evitar danos irreparáveis. Ele previne desde condições mais simples, como lesões e cortes na parte interna dos lábios, até condições severas — fraturas do dente, por exemplo.

É válido ressaltar que, muitas vezes, esses traumatismos podem ser imperceptíveis no primeiro momento, mas desencadear complicações no futuro. É o que acontece com uma trinca no esmalte, que causa sensibilidade nos dentes, favorece infiltrações e leva a problemas que requerem tratamento de canal.

Há, ainda, as fraturas de raiz e a sobrecarga na articulação temporomandibular, o que resulta em casos de disfunção (DTM). Por isso, usar o protetor é tão importante, sobretudo aquele feito de forma personalizada, porque ele atenderá com perfeição a necessidade de cada indivíduo, encaixando-se corretamente em seus dentes.

Quando usar o protetor bucal?

O protetor bucal é recomendado a praticantes de qualquer esporte que gere impacto ou envolva contato físico. É válido tanto para as práticas amadoras quanto profissionais, inclusive, sendo utilizado por quem faz musculação e fisiculturismo.

Devido às suas múltiplas indicações, o grau de proteção é diferente dependendo do tipo de esporte praticado. Esse dispositivo pode ser composto por camadas, e quantas mais tiver, maior será a proteção.

Sendo assim, para atividades leves — academia, voleibol e hipismo —, o protetor com uma camada se torna suficiente. Porém, nas atividades impactantes, como boxe, karatê e muay thai, o ideal é utilizar três camadas de proteção.

De toda forma, o dentista pode auxiliar a definir qual é o melhor grau de proteção do equipamento para cada atleta, considerando as características dos seus dentes e a intensidade da prática esportiva.

O importante é que o protetor bucal seja utilizado sempre, dando preferência para os modelos confeccionados de forma personalizada. Afinal, eles se encaixam com perfeição na arcada dentária, promovendo uma proteção uniforme e garantindo o conforto necessário.

Gostou do tema deste artigo? Então, continue acompanhando mais conteúdos interessantes. Basta curtir nossa página no Facebook e ficar de olho nas postagens!

Powered by Rock Convert
Posts relacionados

Deixe um comentário