Medicina preventiva nas empresas: quais as melhores práticas?

6 minutos para ler
Novos cenários causados pela COVID-19: quais os impactos para as empresas?Powered by Rock Convert

Em todos os casos, a prevenção é sempre a melhor alternativa. Essa afirmação tem se mostrado muito presente em nosso cotidiano agitado, principalmente quando se trata do mundo corporativo e da medicina preventiva nas empresas.

Afinal, é preciso que os colaboradores estejam saudáveis, mental e fisicamente, para desempenharem suas tarefas com êxito. Por isso, o cuidado com sua saúde no ambiente de trabalho favorece o seu desempenho e, consequentemente, a produtividade da empresa.

Pensando nisso, preparamos este artigo para que você entenda a importância da medicina preventiva nas empresas e quais são as principais práticas para a sua implementação. Confira!

A importância da medicina preventiva nas empresas

A medicina preventiva teve seu conceito criado em meados do século XX. É uma especialidade que procura uma nova abordagem em relação aos procedimentos médicos, visando evitar a atenção exclusiva para o tratamento de doenças ao focar, também, a criação de medidas que possam prevenir sua incidência.

Muitas das doenças que acometem a população atualmente são causadas pelo sedentarismo, consumo excessivo de álcool, maushábitos alimentares e, principalmente, estresse, afetando não só a pessoa doente, mas também suas relações profissionais.

Numa empresa, muitas vezes, os colaboradores adoecem em função do estresse, da sobrecarga de trabalho e das más condições do ambiente, podendo abrir passagem para quadros graves. Para que esse tipo de ocorrência se dê com menos frequência, muitos empregadores passaram a aderir à medicina preventiva nas empresas.

Além dosbenefícios que pode trazer aos colaboradores, ela é importante para a organização em si. Isso, porque, ao adotar suas práticas, consegue reduzir custos e aumentar a produtividade, por promover uma melhor qualidade de vida no ambiente de trabalho.

Melhores práticas para a implementação da medicina preventiva

Para implementar a medicina preventiva em sua empresa, as melhores práticas envolvem tecnologias e softwares de gestão. Eles ajudam no controle e mapeamento da situação geral da empresa, facilitando, assim, a criação de estratégias para a prevenção. A seguir, listamos as principais práticas:

Levantamento de dados

A instituição de saúde contratada pela empresa buscará todos os tipos de informação dos colaboradores que considerar importantes, contando com o auxílio de um questionário para reuni-las. Alguns dados importantes são:

  • histórico de consumo de álcool e/ou cigarro;
  • doenças crônicas;
  • rotina alimentar;
  • prática de atividades físicas.

Isso é importante para conhecer o perfil dos colaboradores, de modo que se possa estudar quais são as melhores intervenções para aquele grupo.

Estudo de demanda e planejamento de estratégias

Com as informações, a empresa conseguirá fazer um perfil epidemiológico da sua equipe, o que consiste em estudos realizados para identificação do quadro geral da saúde de um grupo específico de pessoas — nesse caso, seus colaboradores.

Assim, é possível saber, por exemplo, quais funcionários apresentam doenças sistêmicas, como hipertensão e diabetes, se estão acima do peso, se mantêm uma alimentação equilibrada etc.

Desse modo, os gestores podem planejar o que será feito para mudar esse quadro, a fim de garantir mais saúde para seus colaboradores. Isso pode ser por meio de programas educacionais, adequação do ambiente de trabalho, mudanças no cardápio e prática de ginástica laboral, por exemplo.

Powered by Rock Convert

Implementação das atividades

Tendo estratégias bem-definidas, o gestor deve apresentar aos colaboradores seu plano de ação, começando a colocar em prática as medidas planejadas. Arquitetar bem as primeiras etapas do processo ajuda a garantir resultados positivo futuros.

É de suma importância lembrar que, antes de implantar qualquer tipo de projeto dentro de sua empresa, é preciso planejar-se em relação às demandas e metas, para que o projeto não só se adéque com uma maior flexibilidade, mas também para evitar quaisquer erros.

Para esse caso, uma boa dica é instalar um software de medicina preventiva em sua empresa. O sistema auxilia na execução dos procedimentos e a fazer a aplicação de conceitos relacionados à saúde e à higiene ocupacional no perfil epidemiológico da equipe. Também analisa as melhores formas de promoção do bem-estar na organização.

Vale lembrar que algumas medidas podem e devem ser revistas em longo prazo, pois as necessidades dos colaboradores também mudam com o tempo.

Como iniciar o processo de implementação

Há uma quantidade cada vez maior de empresas firmando parcerias com negócios de todos os portes e ramos a fim de implementar as práticas de medicina preventiva. Para dar início a esse processo em sua organização, você pode adotar as seguintes estratégias.

Planos de saúde

O mais procurado programa de medicina preventiva nas empresas, um bom plano de saúde permite aos colaboradores fazer consultas regulares em clínicas especializadas, exames e outros procedimentos.

O intuito não é apenas tratar doenças e problemas, mas possibilitar ao trabalhador buscar acompanhamento médico, a fim de fazer a prevenção deles, seja pelos exames periódicos ou consultando profissionais como nutricionistas.

Plano odontológico

Oacompanhamento com dentista é essencial em qualquer idade. Por isso, o plano odontológico para empresas também é um dos programas mais importantes, ao lidar não só com a saúde dos colaboradores, mas também com sua autoestima.

Há, também, algumas ações de programas mais específicos, como:

  • adotar sessões ginástica laboral dentro do espaço de trabalho;
  • promover meditação ou relaxamento durante intervalos de tempo;
  • ofertar massagem para atividades repetitivas;
  • realizar o acompanhamento psicológico de funcionários expostos constantemente a níveis altos de estresse. 

O importante é observar qual ação pode ser mais adequada e bem-sucedida em sua organização. Osplanos de saúde e odontológico podem ser as melhores soluções para os colaboradores e a empresa. Afinal, são adequados às necessidades da organização, e alguns podem se estender para os outros membros da família do funcionário, trazendo não só qualidade de vida para ele, mas para sua casa também.

Alguns benefícios da implementação da medicina preventiva nas empresas, em curto, médio e longo prazo, são:

  • melhor produtividade;
  • menor índice de absenteísmo;
  • maior qualidade de vida no âmbito profissional e pessoal;
  • redução de custos considerável nos gastos anuais.

Desse modo, os programas e ferramentas desenvolvidos para medicina preventiva nas empresas são um diferencial estratégico que favorece tanto os colaboradores como a organização. Como são fáceis de implementar, é interessante que você considere aderir a essa prática para tornar o seu negócio mais competitivo.

Quer saber mais sobre os planos de saúde? Então,entre em contato conosco e descubra qual é o mais indicado para sua empresa!

Powered by Rock Convert
Posts relacionados

Deixe um comentário