Ninguém discorda que escovar os dentes após as refeições, usar o fio dental diariamente e ir ao dentista regularmente são hábitos muito importantes, não é mesmo?

O que nem todo mundo sabe, no entanto, é que os cuidados com a boca têm uma importância muito maior do que apenas manter um sorriso bonito.

A verdade é que a má higiene bucal pode representar um grande risco à saúde e causar várias doenças, como cáries e gengivite.

Neste artigo, convidamos você a conhecer algumas delas:

Cáries
Lesão que se forma no interior do dente, causada na maioria das vezes pela placa bacteriana, uma película viscosa e incolor, formada por açucares, restos alimentares e bactérias.

Como a cárie se forma: a placa bacteriana reage à presença de açucares dos alimentos que consumimos, produzindo ácidos que atacam o esmalte dentário e deixam os dentes vulneráveis, permitindo que as cáries se desenvolvam.

Caso não seja tratada rapidamente, a cárie pode evoluir e causar diversos problemas mais graves como infecções, contaminações e até a morte da polpa do dente, entre outros.

Importante: para prevenir o aparecimento da placa bacteriana, é fundamental escovar os dentes após as refeições, passar o fio dental diariamente e consultar o dentista regularmente.

Aftas
São ferimentos na mucosa da boca, com coloração branca e avermelhada, que costumam causar dor e muito desconforto.

Apesar de não existir uma causa específica para o aparecimento de aftas, a má higiene bucal é considerada como um dos fatores que mais contribuem para o seu surgimento.

De maneira geral, as aftas não precisam de tratamento e desaparecem em até duas semanas.

Gengivite
Trata-se da inflamação da gengiva, causada (também) pelo acúmulo de placas bacterianas.

No caso da gengivite, as toxinas das placas causam sinais como vermelhidão, aumento da sensibilidade e até sangramento durante a escovação.

Importante: se o problema não for tratado corretamente, pode evoluir para uma periodontite.

Periodontite

Trata-se de uma doença que afeta desde a gengiva até o osso que suporta e envolve o dente.

A periodontite pode ou não apresentar sintomas, o que é mais uma razão para que o paciente mantenha consultas regulares ao dentista.

Caso ocorram, no entanto, os principais sinais são: sangramento, inchaço, mau hálito persistente, dores na mastigação, entre outros.

Importante: com um tratamento adequado, é possível evitar danos mais graves. Por outro lado, se o problema não for tratado corretamente, a doença pode evoluir para a periodontite avançada e resultar, inclusive, na extração dos dentes afetados.

Endocardite bacteriana
Um dos problemas mais sérios causados pela falta de higiene bucal, a endocardite bacteriana é causada pela infecção do endocárdio (revestimento interno do coração) por bactérias vindas de outras partes do corpo.

A endocardite bacteriana é uma doença muito séria. Caso não seja tratada, pode danificar ou destruir as válvulas do coração, trazendo complicações para o resto da vida.

Conheça as formas como o agente infeccioso pode penetrar a corrente sanguínea:

  • pela boca: quando ocorrem sangramentos causados pela mastigação e escovação (especialmente se os dentes e gengivas não estão saudáveis) ou em procedimentos dentários que causam cortes nas gengivas;
  • por meio de cateteres ou agulhas;
  • em outras áreas com infecções.

Importante: normalmente as bactérias são destruídas pelo sistema imunológico ou não causam a infecção. É por isso que a maioria das pessoas que desenvolvem endocardite já tem uma doença ou dano no coração, especialmente nas válvulas.

Saiba mais:

Esclareça alguns mitos e cuide melhor dos seus dentes

Entenda como funcionam os planos de saúde odontológicos

Escreva um comentário

Share This