Categoria

Matérias

Categoria

Dependente do plano de saúde: tire suas principais dúvidas sobre o assunto

Oferecer uma maior quantidade de benefícios aos colaboradores contribui para a melhora do clima organizacional, ajuda a reduzir as faltas e, por consequência, aumenta a produtividade. Certamente, no topo da lista dessas vantagens está a oferta de plano de saúde e odontológico à sua equipe e aos seus dependentes. Mas, na hora de fazer o contrato, é comum surgirem algumas dúvidas sobre as melhores formas de atender às necessidades das pessoas, contemplando o melhor custo-benefício para a empresa. Um dos questionamentos mais recorrentes é justamente sobre a inclusão de dependente no plano de saúde e odontológico. Será que vale a pena? Os gastos serão muito maiores? Quem pode ser beneficiado e quais os procedimentos para isso? É o que vamos responder neste post. Confira! Quem pode ser dependente do plano de saúde e do odontológico? É muito comum que os colaboradores peçam a inclusão de seus familiares no plano odontológico e de…

Gestão de benefícios: os 7 mais valorizados pelos funcionários

No século 20, muitos direitos foram conquistados ao redor do mundo. Alguns dos principais deles dizem respeito ao campo do trabalho. Os direitos trabalhistas envolvem uma série de fatores que fazem com que o ambiente corporativo seja mais justo para os funcionários. Nesse contexto, caprichar na gestão de benefícios é uma peça fundamental para o sucesso das empresas. Esse gerenciamento está relacionado com a boa organização dos auxílios ofertados aos colaboradores. Cada vez mais, oferecer esse tipo de apoio faz com que as organizações retenham talentos e se posicionem melhor no mercado, graças ao diferencial competitivo trazido pela satisfação de toda a equipe. A seguir, nós conversaremos melhor sobre a importância dos benefícios e a relevância de uma boa administração desses recursos e também indicaremos quais são as 7 vantagens mais interessantes para os colaboradores que procuram uma vaga para chamar de sua. Vamos lá? Boa leitura! Qual é a…

Plano odontológico para pequenas e médias empresas: veja os benefícios

Os planos odontológicos são cada vez mais buscados pela população. Entre 2017 e 2018, foram contabilizados cerca de 24,2 milhões de beneficiários desse tipo de serviço. O plano coletivo empresarial, nesse contexto, foi um dos que mais se destacou. A adesão ao programa, durante o mesmo período, registrou aumento de 4,6%. Diante desse cenário, portanto, houve o crescimento da procura por plano odontológico para pequenas e médias empresas. Um dos grandes motivos foi a observação, por parte dos empreendedores, dos benefícios obtidos a partir da oferta de assistência aos funcionários. Tendo em vista o aumento da busca por esse tipo de auxílio aos colaboradores, elencamos alguns benefícios decorrentes da prática para organizações de portes pequeno e médio. Não deixe de conferir! Obtenção de benefício fiscal Ao oferecer plano odontológico aos colaboradores, a empresa poderá deduzir gastos com o benefício no imposto de renda da pessoa jurídica. Dessa forma, a organização obterá…

Pagar plano odontológico compensa? Fizemos as contas para você!

Frequentar um consultório odontológico com periodicidade é de extrema importância para a manutenção da saúde da boca e da sensação de bem-estar. Afinal, o sorriso é o maior cartão de visitas do indivíduo e auxilia na autoestima e na autoimagem. Entretanto, pagar plano dental ainda é objeto de dúvida e incerteza entre muitos brasileiros. Por esse motivo, elencamos alguns esclarecimentos sobre planos e tratamentos odontológicos para que você consiga ponderar os custos e os benefícios que poderá obter ao aderir a um programa mensal. Não deixe de conferir essas dicas! Qual é o preço médio dos principais tratamentos odontológicos? Primeiramente, vale ressaltar a importância de ponderar o preço dos tratamentos odontológicos e colocar na ponta do lápis o quanto você gastaria com procedimentos caso não pudesse contar com um plano mês a mês. Ao analisar a média de gastos possíveis com consultas periódicas e comparar com o valor do plano,…

Descubra como cuidar da ergonomia dos seus colaboradores

Uma das principais maneiras de cuidar da saúde e da segurança dos colaboradores nas empresas é investir em uma palavra relativamente simples, mas cheia de significados: a ergonomia. Esse termo se refere diretamente ao estudo entre a relação que os seres humanos desenvolvem com as máquinas e ao manejo correto desse relacionamento, sem prejuízos à saúde. No âmbito de segurança em trabalho e saúde do trabalhador, a ergonomia é uma área que visa otimizar as condições laborais dos indivíduos que lidam com maquinários específicos, sejam computadores ou equipamentos mais complexos. O objetivo é sempre garantir que a saúde do colaborador não seja prejudicada por uma postura inadequada ou a execução de movimentos repetitivos, por exemplo. Mas, afinal, quais são os impactos causados pela falta de preocupação com a ergonomia no ambiente de trabalho? Como podemos evitar que esses problemas atinjam os nossos funcionários? Como incentivar os cuidados com a saúde…

Por que cuidar do bem-estar no ambiente de trabalho?

A promoção do bem-estar no trabalho é tema recorrente entre os empreendedores. Isso porque, cada vez mais, é percebida a relação entre a saúde do trabalhador e o desempenho da empresa no mercado. Quando a questão humana é negligenciada pela organização, a tendência é que a equipe se desmotive e se engaje menos na realização dos propósitos institucionais. Dessa forma, há queda na produtividade e na qualidade do trabalho desenvolvido. Pensando nisso, elencamos alguns esclarecimentos sobre os impactos da promoção de um ambiente de trabalho voltado para o bem-estar do colaborador. Não deixe de conferir! O que caracteriza um espaço corporativo saudável? O conforto e a sensação de bem-estar no trabalho dependem de fatores que podem ser tanto físicos quanto psicológicos. A ergonomia, a temperatura e a sonoridade do ambiente, por exemplo, são aspectos materiais que, se não geridos adequadamente, interferem na integridade física do trabalhador. Condições comportamentais, por outro…

Veja como cuidar da alimentação do seu funcionário

Os colaboradores são os maiores bens de qualquer empresa, independentemente do segmento. Afinal de contas, eles são responsáveis por parte significativa da produtividade do negócio. Por isso, cuidar da alimentação do trabalhador deve ser sempre uma prioridade para qualquer gerência. Fornecer as condições ideais de trabalho e priorizar o bem-estar da equipe é algo que vai muito além de simplesmente cuidar do ambiente profissional ou da infraestrutura do espaço, ainda que tais fatores sejam cruciais. A alimentação é outro ponto importante que ajudará a determinar o bom desempenho de todos os envolvidos. Mas, afinal, como podemos manter a alimentação da equipe de maneira balanceada e adequada? A seguir, vamos falar sobre a importância desse aspecto e apresentaremos dicas práticas para tornar essa realidade algo mais simples. Boa leitura! Por que devemos investir na alimentação do colaborador? Antes de seguirmos com a nossa conversa, precisamos entender por qual motivo priorizar o cronograma alimentar…

Confira 5 ações para reduzir turnover na sua empresa

Uma das principais medidas que devem ser adotadas por empresas que desejam aumentar o lucro e crescer é reduzir o turnover. Afinal, a rotatividade de colaboradores impacta negativamente as finanças e a produtividade do negócio. Contratações e desligamentos demandam custos, e treinar novos profissionais requer um tempo precioso que poderia ser melhor aproveitado para atingir as metas da empresa. Sendo assim, o ideal é focar na retenção de talentos para compor uma equipe engajada, comprometida e especialista naquilo que faz. Não importa o porte da organização. É possível tornar os colaboradores mais interessados pela vaga que ocupam, mas é preciso promover certas ações para isso. Neste artigo, listamos 5 delas para você colocar em prática e evitar o desfalque do seu quadro de colaboradores. Continue lendo e veja como reduzir turnover não é difícil como parece. 1. Conheça seus colaboradores Não é somente o funcionário que precisa conhecer a empresa…

Quer reduzir o absenteísmo da sua empresa? Listamos 7 ações mais que eficazes

Reduzir o absenteísmo de uma empresa não é uma tarefa simples na maioria das vezes. Afinal, esse é um problema amplo, que envolve dezenas de fatores que podem contribuir para a sua ocorrência. Logo, é necessário trabalhar com a base da situação para, então, resolvê-la. Uma boa maneira de fazer isso é investir em atitudes focadas na manutenção da saúde dos colaboradores. Assim, a empresa demonstra que está preocupada com seus funcionários e também possibilita que, com uma maior qualidade de vida, eles possam trabalhar com mais disposição e bem-estar. Ainda não sabe exatamente o que deve ser feito para fazer com que as faltas em sua empresa sejam devidamente reduzidas? Não tem problema! A seguir, conversaremos sobre dicas infalíveis para melhorar o ambiente de trabalho, cuidar da saúde de sua equipe e trazer muito mais produtividade para o dia a dia corporativo. Boa leitura! Quais são os fatores que…

Meninos também serão vacinados contra o HPV

Medidas visam diminuir a circulação do vírus causador de diversos tipos de câncer. No que se refere à vacinação, 2017 começou com uma grande novidade para os adolescentes com idade entre 12 e 13 anos: este grupo foi incluído na rotina do calendário nacional de vacinação contra o vírus papiloma humano, ou HPV. A partir de agora, estes jovens poderão receber as doses gratuitamente pelo Sistema Único de Saúde (SUS) – as meninas entre 9 e 13 anos já são imunizadas pelo SUS há alguns anos. De acordo com o Ministério da Saúde, a faixa etária dos meninos que podem receber a vacina será ampliada gradualmente até 2020, quando estará disponível para crianças a partir dos 9 anos. Outra novidade foi a inclusão de jovens portadores de HIV (AIDS). A faixa etária deste grupo, no entanto, é maior: entre 9 e 26 anos de idade (as meninas com HIV já são imunizadas). A expectativa…