Categoria

Goldental

Categoria

Carência de plano de saúde: entenda mais sobre como é feito esse cálculo

Uma das coisas mais importantes a se avaliar na hora de fechar um contrato com uma operadora é a carência de plano de saúde. Muitas pessoas já ouviram falar desse assunto, mas não entendem exatamente como funciona e quais suas implicações práticas. A verdade é que os prazos de carência são estipulados pelas seguradoras a fim de se protegerem de fraudes e abusos, porém, são regulamentados pela Agência Nacional de Saúde (ANS), para que não firam os direitos do consumidor. Como os prazos variam de acordo os serviços de saúde em questão e também com os tipos de plano, é importante atenção ao que diz a lei, aos prazos máximos permitidos, a como e a partir de quando é feita a contagem e a outros detalhes. Pensando nisso, elaboramos este post para você entender mais sobre o assunto e não ter surpresas desagradáveis após a assinatura de um contrato. Vamos lá? O que é…

Quais são as coberturas obrigatórias do plano de saúde?

A população tem desenvolvido consciência sobre a importância de ter um estilo de vida equilibrado e de cuidar da saúde para usufruir de bem-estar no dia a dia, o que exige o acompanhamento preventivo com profissionais da medicina. Muitos, entretanto, ainda sentem dúvidas sobre como verificar a cobertura do plano de saúde para contratar aquele que melhor atende às necessidades e que garanta qualidade de vida. Pensando nisso, elencamos alguns esclarecimentos sobre o tema e dicas para que você saiba quais são as coberturas obrigatórias conforme os diferentes tipos de plano disponíveis no mercado. Não deixe de conferir! Por que é importante contar com um plano de saúde? Estar preparado para possíveis imprevistos relacionados à saúde é fundamental para prevenir doenças e promover qualidade de vida. Contudo, isso inclui realizar procedimentos que visam acompanhar o quadro de saúde e estar amparado financeiramente para lidar com condições inesperadas. Afinal, não é possível prever o adoecimento ou riscos iminentes à integridade do corpo humano. Por essa razão, contar com…

Mitos e verdades sobre tratamento de canal

Há algumas décadas, dentes com polpas comprometidas por cáries profundas ou elementos fraturados eram frequentemente extraídos. Atualmente, os dentistas recorrem ao tratamento endodôntico, popularmente conhecido como tratamento de canal, procedimento realizado para preservar o dente que sofreu algum tipo de injúria. Apesar de ser uma alternativa segura para “salvar” os dentes, ainda há pessoas que temem o procedimento por medo de dor. Apesar de ser um procedimento que passou por bastante evolução, ainda é um dos mais temidos entre os pacientes, que deixam inclusive de realizar um acompanhamento odontológico, o que pode causar danos mais graves. De fato, tratar canal é invasivo e, portanto,deve ser feito apenas quando há uma lesão avançada, considerada irreversível. Felizmente, com os avanços da odontologia, ele se tornou um procedimento mais simples, afastando um pouco o medo nos pacientes. Neste post, você vai entender o que é o tratamento de canal, além de desvendar alguns…

O que considerar na hora de contratar um plano odontológico empresarial?

O plano odontológico é um benefício oferecido pelas organizações e muito valorizado pelos colaboradores. Isso porque a iniciativa viabiliza o amplo acesso aos tratamentos de saúde dentária. As vantagens dessa oferta, entretanto, ultrapassam a mera satisfação coletiva. A iniciativa é responsável por elevar a produtividade das equipes, reduzir as taxas de absenteísmo e, também, aumentar o bem-estar no ambiente de trabalho. Para usufruir de todas as benesses mencionadas, no entanto, é indispensável contratar plano odontológico que contemple as necessidades do negócio. Pensando nisso, elencamos algumas dicas para que você saiba quais critérios avaliar antes de optar por uma agência que ofereça esse serviço aos funcionários. Não deixe de conferir! Registro na Agência Nacional de Saúde A Agência Nacional de Saúde (ANS) é o órgão regulamentador responsável pelos planos de saúde e odontológicos ofertados em toda a extensão do território brasileiro. Vinculado ao Ministério da Saúde, essa instituição é competente para…

Dicas para escolher o melhor plano dental para você e sua família

Se você está procurando um plano odontológico, provavelmente está interessado nos custos mais baixos com consultas e exames que esse tipo de convênio proporciona. Sem dúvida, essa é a principal característica que tem levado cada vez mais pessoas e empresas a contratar o serviço. A escolha por um plano odontológico, no entanto, não deve ser feita às escuras. Para escolher o plano certo, vale a pena refletir sobre as suas necessidades, conhecer os serviços oferecidos, desconfiar de “vantagens exageradas” e realizar uma pesquisa entre as opções disponíveis. Lembre-se: os planos odontológicos não são todos iguais. Eles podem variar quanto ao preço, quanto ao rol de procedimentos cobertos, quanto à qualidade da rede referenciada etc. Por isso, é fundamental entender o que você realmente precisa para realizar a contratação. Leia também: principais vantagens dos planos odontológicos para empresas. Com este post, trazemos dicas sobre o que levar em conta na hora de…

Efeitos do açúcar sobre os dentes – e como evitá-los

Durante a revolução industrial, mercados e residências começaram a ser providos de alimentos processados e, muitas vezes, açucarados. Essa mudança nos hábitos de consumo trouxe muita praticidade, mas também propiciou o aumento de diversas doenças bucais. Desde então, cáries, doenças gengivais e outros distúrbios passaram a ser muito mais comuns entre crianças e adultos. Na época a compreensão sobre as causas desse problema era muito limitada, porém atualmente não se pode dizer o mesmo: pesquisadores e dentistas sabem muito bem como surgem e de que forma podem ser evitados. Como o açúcar agride os dentes Os alimentos com açúcar (refinados, processados ou em forma de carboidratos) alimentam as bactérias presentes na boca e estimulam a produção de ácidos. Esses ácidos, por sua vez, podem até dissolver o esmalte dentário. A consequência dessa reação é o surgimento de doenças bucais como a placa bacteriana, devido a má higiene bucal, e a…

Conheça alimentos que deixam seus dentes mais fortes e saudáveis

No dia 25 de outubro, comemora-se o Dia do Dentista no Brasil. Para homenagear esse profissional que estudou e trabalhou tanto para cuidar da nossa saúde bucal, nada melhor do que trazer dicas de alimentos que deixam os dentes – e a gengiva – mais fortes e saudáveis. Ao cuidarmos bem de nossos dentes, evitamos o surgimento de diversos problemas, não é mesmo? Quando isso acontece, ajudamos os dentistas a desempenharem de forma ainda melhor o seu papel, que é manter o sorriso dos brasileiros bonito e saudável. Antes de conhecer quais são esses alimentos, lembramos que seu consumo não substitui a escovação, tampouco dispensa visitas regulares ao dentista. A combinação de uma dieta adequada com os cuidados necessários, porém, é o caminho para ter dentes muito mais fortes, saudáveis e bonitos. O dentista, e sua saúde, agradecem. Leia também: sete dicas para uma higiene bucal correta e eficaz. Confira agora os alimentos…

10 Mitos e verdades sobre as cáries

Se muita gente tem medo de dentista, isso pode ser parcialmente atribuído à temida cárie. Afinal, essa doença bucal atinge cerca de 80% da população no Brasil e, se não tratada adequadamente, pode causar dores e até a perda dos dentes. O surgimento das cáries está relacionado com uma combinação entre higiene bucal ineficiente e uma alimentação inadequada, principalmente aquela rica em açucares e carboidratos. Quando isso ocorre, os resultados são os mais indesejados. As bactérias presentes naturalmente em nossa boca entram em contato com os restos de comida, liberam ácidos que causam a desmineralização, o surgimento de buracos, e, com o tempo, até a destruição total dos dentes. Leia também: sete hábitos que previnem as cáries. Toda a cárie tem que ser tratada, isso é fato. Mas todos os dentistas concordam que o ideal mesmo é preveni-la, cuidando da higiene bucal e da alimentação. Apesar parecer ser simples, ainda existem muitas…

Como escolher o dentista certo para você

O dentista é aquele profissional que se preparou arduamente, durante muitos anos, para cuidar da saúde bucal das pessoas. Dizer que ele tem um papel relevante para toda a sociedade não é exagero. Afinal, a evolução da odontologia está diretamente associada ao bem-estar da população como um todo. Nada mais justo, portanto, do que aproveitar a chegada de Outubro, o Mês dos Dentistas, para reconhecer e divulgar o trabalho desse profissional de saúde. Por ocasião dessa data comemorativa, nosso blog vai tratar de diversos assuntos relativos ao universo da odontologia. Já neste primeiro post, conheça algumas dicas para escolher o melhor dentista para você, seja ele particular ou conveniado a um plano odontológico. Vamos lá? Primeiro passo: busque um dentista perto de você Salvo em casos especiais, como em um tratamento muito específico, ir ao dentista deve ser prático e cômodo. Afinal, a ideia é que você faça visitas regulares. Por…

Respirar pela boca faz mal?

Você já parou para observar como anda sua respiração? Não? Então saiba que esse ato involuntário tem grande importância para sua saúde e bem-estar. Afinal, quando você respira incorretamente (ou seja, pela boca) pode sofrer diversos problemas. As consequências desse tipo de respiração, também chamada de oral, são várias: desgaste das vias respiratórias – que ficam mais frágeis; alterações na face e na dentição; além de problemas relativos ao sono que comprometem a qualidade de vida. Essa condição se torna ainda mais grave porque, muitas vezes, as pessoas acabam se acostumando com ela e deixam de procurar um tratamento adequado. Daí, o que poderia ser resolvido de forma simples vira um verdadeiro transtorno. Por tudo isso, devemos ter muita atenção à respiração e trabalhar para corrigir esse hábito que não é nada positivo para a saúde. Causas da respiração oral Geralmente, a respiração pela boca é desencadeada pela incapacidade de…