A xerostomia, mais conhecida como boca seca, ocorre quando você não produz saliva suficiente para deixar a boca úmida.

Ela não é uma reação tão incomum; você pode já tê-la sentido alguma vez. No entanto, se isso se tornar recorrente ou persistir por muito tempo, pode surgir um desconforto, além de poder causar problemas de saúde.

A função da saliva é mais importante do que apenas umedecer a região bucal. Ela também protege os dentes contra as cáries, ajuda a prevenir infecções e a facilitar a mastigação e a deglutição. Conhecer as causas pode ajudar a identificar a xerostomia. Esse é o tema deste artigo. Confira!

Quais são os sintomas da boca seca?

Antes de começarmos a falar das causas, é importante que você compreenda quais são os sintomas dessa condição, pois eles vão além da sensação da boca e da garganta seca.

A saliva fica mais viscosa, o mau hálito e as úlceras na boca podem surgir, além de haver maior probabilidade de ocorrerem infecções na faringe e na boca.

O paladar fica alterado, é mais difícil falar e engolir alimentos, há formação de placa bacteriana e o aparecimento ou evolução de cáries. Também podem se desenvolver doenças gengivais e periodontais.

Quais são as causas da xerostomia?

Se você apresenta um ou mais sintomas, pode ser que você realmente precise tratar a xerostomia. O tratamento depende muito da causa e, por vezes, a mudança de hábitos pode ajudar muito.

Confira, a seguir, as causas e verifique se elas podem estar associadas ao seu problema.

Sede

Embora esse seja o mais óbvio, é importante verificar se você está ingerindo a quantidade de água suficiente para o bom funcionamento do seu organismo. Às vezes, apenas o hábito de tomar mais água diariamente pode resolver o problema. Fique atento.

Estresse

A rotina agitada, bem como a pressão da vida profissional, são questões que facilmente podem resultar em estresse, que é uma das causas da boca seca.

Além da diminuição da saliva, o estresse pode causar uma série de problemas de saúde, portanto, caso perceba que isso está afetando a sua saúde, procure a ajuda de um profissional.

Uso de medicamentos

O uso de medicamentos como anticonvulsionantes, antidepressivos, antipsicóticos, anti-histamínicos, descongestionantes e drogas cardiovasculares também podem causar a boca seca como efeito colateral.

Mesmo o uso prolongado de medicamentos de venda livre também pode resultar na diminuição da produção de saliva.

Procedimentos médicos

Alguns procedimentos médicos como as cirurgias, radioterapia e quimioterapia podem causar a sensação de boca seca.

A terapia de radiação aplicada na cabeça e no pescoço provocam esse problema com mais intensidade do que as cirurgias e a quimioterapia.

Isso porque ela afeta as glândulas salivares, fazendo com que elas produzam menos ou nenhuma secreção salivar. Por isso, pacientes com câncer oral ou na faringe costumam ser os mais afetados.

Powered by Rock Convert

Tabagismo

Na fumaça do cigarro existem centenas de compostos que agridem a mucosa da boca e, para piorar, como a fumaça é quente, essa agressão é ainda maior. Entre os problemas que podem resultar deste hábito está a boca seca.

Doenças sistêmicas

As doenças autoimunes são causadas pela produção de anticorpos contra o próprio organismo, o que pode levar à inflamação de glândulas, como as salivares. Com isso, ocorre a redução da produção de saliva.

Portadores da síndrome de Sjögren apresentam boca e olhos secos. Pessoas com doenças no tecido conjuntivo, como lúpus eritematoso sistêmico, esclerose sistêmica e artrite reumatoide também podem sentir a boca seca.

Além desses casos, portadores de diabetes tipo I, psoríase, fibrose cística, esclerodermia e outros problemas de saúde também podem apresentar sintomas de xerostomia.

Caso você tenha alguma doença sistêmica, converse com o seu médico e verifique se ela pode estar relacionada com a redução da produção de saliva.

Alterações hormonais

As alterações hormonais podem desequilibrar o organismo, reduzindo a produção de saliva. Por isso, durante a menopausa ou na gravidez, as mulheres podem sentir a boca mais seca que o normal.

Durante a gravidez isso também pode ser resultado da maior necessidade de ingestão de água. Como está sendo formada a placenta e o líquido amniótico, o corpo consome mais água que o habitual.

Problemas respiratórios

Os problemas respiratórios, como obstrução das vias aéreas e desvio do septo, podem acabar forçando que a respiração seja feita por meio da boca ao invés do nariz.

Além de causar a boca seca e mau hálito, esses problemas também podem mudar a anatomia do rosto e aumentar a probabilidade de contrair infecções, pois o ar não é filtrado.

Deficiências nutricionais

Se você não se alimenta bem e tem sentido a boca seca, saiba que isso pode ser causado devido à falta das vitaminas A e B. Essas deficiências nutricionais também podem causar feridas na boca e na língua.

Como são realizados os tratamentos para esse problema?

O tratamento para a boca seca está interligado a sua causa. Se ela for causada por medicamentos, por exemplo, é importante conversar com o médico que os receitou para que ele possa realizar a troca ou ajustar a dosagem.

Independentemente da causa, é importante buscar ajuda. Somente um profissional poderá ajudar a identificar as causas exatas e realizar o tratamento certo. Existem alguns sprays e medicamentos que podem ajudar a aumentar a produção de saliva e umedecer a boca.

Converse com um dentista para verificar também a situação da sua saúde bucal e analisar a possibilidade de utilizar antissépticos para controlar a placa bacteriana. Ele também pode realizar tratamentos para os problemas que porventura tenham sido causados pela boca seca.

Caso deseje tomar algumas atitudes para reduzir o incômodo, aqui estão algumas dicas:

  • escove os dentes ao menos duas vezes ao dia, utilize creme dental com flúor e fio dental para a higienização adequada;
  • beba muita água e líquidos não açucarados;
  • balas e gomas de mascar sem açúcar podem estimular o fluxo de saliva;
  • evite bebidas com cafeína e álcool;
  • evite fumar;
  • evite alimentos muito salgados e condimentados.

Essas atitudes não excluem a necessidade da ajuda de um especialista, mas podem auxiliar a evitar mais danos e reduzir os desconfortos causados pela boca seca.

As informações foram úteis? Então, aproveite e curta nossa página no Facebook e siga nossos perfis no Twitter e no LinkedIn para ter acesso a várias outras dicas de saúde!

Powered by Rock Convert

Escreva um comentário

Share This