Saiba tudo sobre aparelho para crianças: Quando colocar? Quais são os tipos de aparelhos? E muito mais

6 minutos para ler

Muitos pais têm dúvidas sobre qual o momento certo de consultar um dentista para que ele indique o uso de aparelho para crianças. É comum acharem que é necessário esperar os dentes de leite caírem. No entanto, a correção ortodôntica na infância, mesmo antes do nascimento da arcada dentária permanente, pode trazer vantagens para a saúde bucal no futuro.

Isso porque esse processo atua de modo preventivo, o que evita possíveis problemas na adolescência. Por isso, é fundamental ficar atento a qualquer alteração para garantir um sorriso bonito e saudável para a criança.

Se você quer saber quando levar o seu filho ao dentista e os tipos de aparelhos usados nos pequenos, não perca o nosso post. Boa leitura!

Quando é necessário levar o filho ao dentista para usar aparelho?

O tratamento realizado a partir do uso de aparelho ortodôntico é importante para prevenir futuros problemas. Os principais benefícios são corrigir danos nos ossos da face e corrigir o mal posicionamento dos dentes, já que se não tratados podem prejudicar o posicionamento da arcada dentária permanente e a saúde bucal como um todo.

De maneira geral, por volta dos 5 anos já é possível detectar problemas na estrutura da face. Com essa idade, as crianças se encontram na primeira fase da troca de dentes e o dentista será capaz de analisar alguns aspectos, como:

  • má postura da língua;
  • céu da boca estreito ou queixo para frente;
  • diastema;
  • cáries;
  • mordida em topo ou mordida cruzada;
  • hábitos parafuncionais, como roer unha, chupar chupetas e o dedo.

Nesses casos, o profissional pode recomendar o uso de aparelhos, o que permite guiar corretamente o crescimento dos ossos da face e até o nascimento apropriado dos dentes permanentes.

Além disso, o profissional indicará que a criança seja acompanhada por outros especialistas junto do tratamento ortodôntico, como um fonoaudiólogo, principalmente em situações nas quais a língua está posicionada incorretamente.

Quais os sinais que indicam a necessidades de usar aparelho infantil?

Quando o seu filho precisa usar um aparelho ortodôntico, você notará algumas características que podem indicar essa necessidade. Veja, a seguir, alguns sinais clássicos.

Dificuldades para mastigar

Um sinal comum em crianças é a dificuldade para mastigar. Em geral, isso é causado pela mordida cruzada, quando há o posicionamento incorreto dos dentes. Portanto, caso note que isso ocorre com o seu filho, marque uma consulta com um dentista. Nesse caso, o aparelho dentário deve ser usado o quanto antes, seja móvel ou fixo.

Respiração bucal

Você já reparou que o seu filho fica muito tempo com a boca aberta, com o hábito se mantendo até mesmo à noite? Então, saiba que é bom ficar atento. Esse costume pode ter relação com os dentes ou com algum problema no trato respiratório. Por isso, preste atenção aos sinais e consulte um especialista o mais rápido possível, já que algumas alterações no esqueleto podem fazer com que o osso do maxilar fique à frente da mandíbula.

Powered by Rock Convert

Ausência de espaços

Outro sinal comum é quando os dentes estão muito juntos, não havendo espaço suficiente para um novo nascer. Sendo assim, caso perceba esse problema, leve o seu filho ao dentista. O profissional analisará o caso e decidirá qual a melhor alternativa: móvel ou fixo. Nesse momento, o aparelho é utilizado para abrir espaços. Depois, com a troca dos dentes, ele agirá para deixar toda a arcada dentária alinhada.

Uso de chupetas

Você já deve saber que não é fácil fazer com que os pequenos larguem a chupeta. Contudo, se o seu filho tem mais de 3 anos, a intervenção é importante pelo bem dos dentes que ainda virão. O uso desse item pode provocar um problema conhecido como mordida aberta anterior, que é caracterizado pelo fato dos dentes anteriores de cima não tocarem os de baixo. Além disso, a chupeta altera o tônus muscular do rosto, o que traz problemas na deglutição e na mastigação dos alimentos.

Quais os tipos de aparelho bucal infantil?

Existem vários tipos de aparelho bucal infantil. Em geral, eles são feitos com um material mais confortável e leve, proporcionando resultados mais rápidos. Veja, a seguir, os mais indicados pelos dentistas.

Fixo

O aparelho fixo é um dos mais conhecidos, mas só pode ser utilizado quando a criança terminar a troca de dentes, já que o uso não é permitido nos dentes de leite. Com esse tipo de tratamento, o dentista consegue fazer movimentos maiores, controlando melhor o posicionamento da arcada dentária.

Móvel

O aparelho móvel é ideal para as crianças entre 6 a 12 anos, quando ainda estão na fase de crescimento. Além de corrigir o alinhamento dental e os problemas com mordida, esse tipo também atua como parte da ortopedia funcional.

Assim, o objetivo é ampliar ou manter o espaço natural entre os dentes, o que permite que os permanentes nasçam de modo adequado, corrigindo futuros problemas que possam aparecer. Dentro da categoria de aparelhos móveis, existem diferentes tipos de desenhos, que são indicados de acordo com o que se quer corrigir.

O aparelho removível é feito com fios de aço e uma placa de resina acrílica que devem ser encaixados entre os dentes da criança, direcionando o desenvolvimento deles e do osso maxilar. Em alguns casos, o seu filho pode precisar também de usar o fixo em outro momento, para complementar o tratamento.

Quais as fases de tratamento com aparelho para crianças?

Uma característica do uso de aparelho ortodôntico infantil é em relação ao tempo de tratamento. Ele é dividido em fases, embora a duração seja definida pelo dentista, levando em conta cada caso.

As principais etapas são:

  • fase preventiva e interceptiva: tem duração média de 18 meses. Nesse caso, o aparelho acerta a posição dos dentes, a imperfeição dos ossos da face e as musculaturas em desenvolvimento;
  • fase corretiva: se inicia após o nascimento dos dentes permanentes com o uso de aparelho fixo;
  • fase de contenção: período em que o dentista realiza o acompanhamento para manter a posição da arcada dentária em ordem.

Agora que você já sabe quais são os tipos de aparelho para crianças e o momento certo de colocá-lo, lembre-se de consultar um dentista especializado no tratamento bucal infantil. Com isso, o profissional poderá analisar a situação e indicar o melhor tratamento para o seu filho.

Gostou de conhecer as principais informações sobre aparelho para crianças e quer receber assuntos relacionados a planos de saúde e bem-estar no seu e-mail? Então, não deixe de assinar a nossa newsletter!

Powered by Rock Convert
Posts relacionados

Deixe um comentário